SEO técnico – Estratégias de otimização

SEO técnico - Estratégias de otimização

Sabia que o SEO técnico é o alicerce das suas estratégias de otimização para buscadores? Com ele, o seu site alcançará os melhores resultados nas pesquisas.

Depois de ler esse post você ficará muito bem informado (a) e pronto (a) para voar alto.

Mas entenda que é muito importante saber que, mesmo que faça todos os esforços para que seu site fique sensacional, se ele demorar para carregar ou tiver muitas páginas com erros … ah, então todos os seus esforços irão por água abaixo.

Resumindo, coloque todo o seu empenho para evitar problemas técnicos. Assim, continue com a leitura para saber tudo sobre SEO técnico, a sua importância e principais fatores. 

SEO técnico | Otimização para o sucesso do site

Com o SEO técnico trabalhamos a performance e a estruturação de dados. É o conjunto de otimizações relacionadas à estrutura interna de um site; ou seja, faz parte do SEO On Page, que representa as otimizações que estão sob o seu controle e dentro das suas páginas.

Aliás, já bordamos em um dos nossos posts o tema Seo On Page e Seo Off Page e voltando ao tema em questão; o SEO técnico trabalha com o que está por trás das páginas, ou seja, com os códigos e a arquitetura do site.

Afinal, o Google tem que encontrar os seus links e colocá-los no ranking. Então, a grande questão é o rastreamento e a indexação; depois, as estratégias de conteúdo e construção de autoridade farão com que as suas páginas subam na classificação do buscador.

Se por um lado talvez o assunto SEO estratégico possa lhe parecer um tanto complicado, aos poucos você perceberá a sua relevância e o motivo deste artigo.

Vejamos a sua importância e porque merece a nossa atenção!

O Valor do SEO técnico

Se quer saber por onde começar a sua estratégia de otimização para buscadores, então dê toda a importância necessária para o Seo técnico; já que ele garantirá que os seus links sejam encontrados e indexados no diretório do Google.

Às vezes o seu site pode não aparecer no buscador e uma boa Auditoria de SEO identificará a razão disso; fazendo inclusive, com que o Google o compreenda e consiga indexar as páginas do seu site com as palavras-chave corretas.

Mais que tudo, o SEO técnico também proporciona uma melhor experiência ao usuário; afinal, o maior objetivo do buscador é favorecer uma boa navegação.

Simplificar os códigos do site, não apenas o torna mais compreensível para o robô, como também acelera o seu carregamento. Assim, o usuário acessa as páginas com maior agilidade e de qualquer dispositivo; seja ele um PC ou tablet ou celular.

Compreenda que quando o Google entende o seu empenho, ele te beneficia com o ganho de posições no ranking.

Razões para o SEO técnico

Embora alguns fatores possam ser identificados e corrigidos com a ajuda de ferramentas como o Google Search Console ou plugins como o Yoast, existem otimizações mais complexas e que exigem um profissional especializado, como o Programador WEB e SEO.

Antes de mais nada, é muito importante que saiba que mexer diretamente nos códigos não é simples e você pode errar feio nessa tarefa; comprometendo o seu site de forma grave.

Então, se o SEO técnico for além dos seus conhecimentos, não hesite em pedir ajuda, ok?

Vejamos a seguir, do que estamos falando.

Mobile ou Mobile-friendly

Pensamos em começar por esse tópico porque hoje em dia o que mais vemos por aí são pessoas com um celular na mão. Seja no metrô ou na mesa de um restaurante, no trabalho ou em casa.

Visto que o Google percebeu há um bom tempo que o futuro da busca era móvel, não economizou energia para tornar a busca mobile mais eficiente e passou a priorizar a indexação da versão mobile dos sites.

Então, oferecer um site responsivo, cujas páginas tenham um mesmo código HTML e uma mesma URL, independentemente do dispositivo é extremamente importante. No entanto, o código CSS é utilizado para atender as páginas, de acordo com o tamanho da tela do usuário.

Certamente um programador web te ajudará nisso!

Por outro lado, ferramentas para criação de sites, como por exemplo o WordPress, já incluem a otimização para dispositivos móveis. Então você não precisa ter grandes preocupações com a codificação.

Teste o seu site para ver se está otimizado para celular com uma ferramenta que o Google disponibiliza gratuitamente: o teste de compatibilidade com dispositivos móveis; sem dúvida uma bela ferramenta à disposição da gente.

É importante entender que mais de 50% do tráfego web vem por meio de dispositivos móveis!

Velocidade

Hoje em dia tempo é tudo e o usuário pode desistir de acessar a sua página, caso ela demore algo em torno de 5 segundos para carregar. Essa informação é do Think With Google, merece toda a nossa atenção e é uma tarefa para o SEO técnico.

Por que é tarefa Seo técnico e merece a atenção de um profissional especializado? Porque o trabalho está ligado à estrutura interna do site, ao tamanho das imagens, a organização dos códigos e ao servidor de hospedagem.

Mas você pode verificar a velocidade de carregamento das suas páginas usando a ferramenta Page Speed Insights, que o próprio Google disponibiliza para os seus usuários. Também temos a GTmetrix, que além de mostrar a velocidade de carregamento (não apenas uma pontuação) indica as chances de melhoria.

Enfim, com essas ferramentas você tem acesso a algumas ações de SEO técnico, tais como: comprimir os arquivos enviados pelo servidor; reduzir o tamanho das imagens; eliminar caracteres supérfluos dos códigos HTML, CSS e Javascrip; criar Accelerated Mobile Pages e aproveitar o cache do navegador.

Imagens

Não à toa que as imagens são as grandes protagonistas de qualquer site, já que elas têm um grande poder de sedução. Todavia, imagens pesam e podem comprometer a velocidade de carregamento de uma página.

Então, esta é mais uma razão para o trabalho de SEO técnico, já que só ele pode garantir que suas imagens cumpram o seu papel de forma eficiente. 

Explicando melhor, como o google só é capaz de compreender textos, imagine quanta informação importante deve conter uma imagem para que ele a identifique!

Daí vem a questão: como fazer para que uma imagem apareça bem posicionada no Google Imagens?

Vamos por partes, porque são muitos os fatores, como nome do arquivo; texto alternativo; tamanho, formato e dimensão do arquivo; além de carregamento.

Resumindo, o nome deve ser descritivo para que o Google o compreenda; o texto alternativo ou alt text para quando a imagem não carrega ou para usuários com necessidades especiais; já o tamanho otimizado melhora o rankeamento da página, porque o Google prioriza arquivos mais leves. Uma dica é buscar ajuda com ferramentas que reduzam o tamanho das imagens, sem perder a qualidade, como por exemplo Optimus e Tinypng.

Sobre o formato, os mais avançados são: JPEG 2000, JPEG XR e WebP , porque têm uma compactação melhor em relação ao JPG e o PNG para acelerar o carregamento. Quanto as dimensões, o ideal é que sejam idênticas as que serão usadas para que não ocupem espaço desnecessário, prejudicando o carregamento.

A respeito das imagens que estão abaixo da dobra da página, elas podem ter seu carregamento adiado; então podemos usar o recurso lazy load (como exemplo no plugin Lazy Load do WordPress), onde as imagens serão carregadas apenas quando o usuário chegar nelas.

Rastreamento

Por acaso você tem alguma ideia sobre as suas páginas rastreadas pelo Google? Então, para que isso aconteça você pode criar e enviar sitemaps para o Google rastrear o seu site de forma mais ágil e eficiente.

Mas, será que você precisa criar e enviar sitemap? Bem, o uso do sitemap não garante que todos os itens serão rastreados e indexados; mesmo que você mostre o caminho para o robô, pode acontecer dele encontrar erros nas páginas e não conseguir fazer isso.

Assim, se deseja saber o que está dificultando o rastreamento e a indexação, vai lá no relatório de status de cobertura do índice, que você encontra no Google Search Console.

Aliás, podem ser muitos os motivos para que as páginas não sejam indexadas pelo robô; como por exemplo, erros de servidor, de direcionamento, bloqueio da URL, URL inexistente (erro 404), entre outros.

Uma boa análise identificará os erros de indexação e auxiliará nas suas correções; afinal, ninguém deseja perder visitantes e possíveis vendas, não é mesmo?

Estrutura do site

A arquitetura do site tem o poder de agilizar o rastreamento pelo Google; destrinchando os caminhos a seguir dentro dele. Quando bem elaborado, o robô entende as hierarquias entre páginas e as conexões entre os links internos.

Um bom trabalho invariavelmente reflete no ranqueamento das páginas pelo Google, conduzindo de forma hábil no entendimento das páginas com maior autoridade do site. Desta forma, ele faz uma varredura completa e a navegação do usuário se torna mais eficiente e compreensível.

Conteúdo duplicado

Conteúdo duplicado, ou seja, textos e imagens copiados do próprio site ou de terceiros, traz muito impacto na otimização.

Por exemplo, quando você atualiza uma página do seu site, necessariamente cria uma nova URL para ela; então o SEO técnico deve desabilitar a antiga, compreende?

E tem mais, conteúdo duplicado pode acarretar numa penalização e certamente você não deseja isso para o seu site. Desta forma, preste atenção se não está incorrendo neste erro!

Deixamos algumas dicas de ferramentas para você:

O Siteliner é uma ferramenta que pode te ajudar nisso e a Canonical.taq, aplicada no código da página principal, é uma ferramenta que mostra para o Google qual é a página preferencial. Ah, você também pode usar o Redirecionamento 301 para evitar que as suas páginas concorram entre si no rankeamento.

Dados estruturados

Se pensar sobre tudo o que dissertamos até agora, deduzirá facilmente o quanto a organização tem papel preponderante no SEO técnico e não apenas como facilitador do trabalho do robô.

Dados estruturados fazem marcações dentro do código das páginas para orientar o buscador, o que facilita na descrição do seu site.

Um exemplo são os rich snippets, fragmentos introduzidos pelo Google em 2009 para melhorar a experiência do usuário. Eles têm um formato totalmente diferente do padrão nos resultados de busca e futuramente podemos fazer um post sobre o assunto. 

Também temos outro exemplo, como os breadcrumbs, que são os caminhos ou “migalhas de pão”, que possibilitam que um usuário/consumidor retorne para as páginas visitadas anteriormente com maior agilidade.

Enfim, para fazer essas marcações, talvez você precise do conhecimento em codificação de um programador web; no entanto, o Schema App Structured Data do WordPress pode te ajudar nisso.

Fatores importantes para o SEO Técnico

Agora abordaremos assuntos que também possuem extrema relevância e que certamente já te incomodaram em algum momento da sua vida de internauta!

Prossiga com a leitura que entenderá do que estou falando e preste bastante atenção ao primeiro tópico deste último bloco do nosso artigo.

Segurança

Já tratamos desse assunto em outro post do nosso Blog, porque ele é de suma importância; inclusive o Google adotou o protocolo HTTPS como um fator de rankeamento para aumentar a segurança na internet.

O site com o protocolo HTTPS garante a proteção dos dados do usuário e transmite confiança para quem vai fazer o login na página. Decerto que a empresa de hospedagem do site pode adquirir um certificado SSL para adotar o HTTPS no seu site.

Preste muita atenção no fato de que ao fazer a migração do HTTP para HTTPS, a URL das suas páginas vai mudar, então use as canonical tags para evitar conteúdo duplicado. Novamente aconselhamos que busque um profissional especializado para fazer este procedimento, já que ele é complexo e pode trazer problemas para o seu site.

Erro 404

Com certeza ao fazer uma busca você já se deparou com a mensagem Erro 404, não é mesmo? Então saiba que o Google costuma penalizar as páginas que apresentam esse erro certa frequência.

Mas, por que aparece a mensagem ERRO 404? Pode ser por exemplo, quando uma página tem a sua URL modificada ou quando a URL tem algum erro de digitação. No entanto, para todos esses problemas existem correções; além de ferramentas de SEO que identificam estas páginas. 

Como dica, busque usar a Dead Link Checker ou Screaming Frog ou mesmo o Google Search Console.

Disponibilidade

Agora pensa com a gente, tem coisa pior do que buscar um site e ele estar indisponível? Se acontece com frequência, isso não é apenas algo desagradável para o usuário; o mais grave é que o Google entende que o seu site não existe mais.

Nosso conselho? Preste muita atenção no momento de escolher a hospedagem do seu site

Leia com atenção o contrato, certifique-se de que o serviço é idôneo e observe a infraestrutura da empresa, disponibilidade, atendimento e tudo o mais.

Mesmo assim, você precisa ficar de olho no serviço de hospedagem e calcular o tempo de uptime do seu site para verificar se o SLA está sendo cumprido.

Compatibilidade com navegadores

Tenha em mente que existe uma grande diversidade de usuários que podem querer navegar pelo seu site.

Embora alguns visitantes tenham acesso ao que há de mais moderno em tecnologia, pode ser que outros ainda façam uso do Internet Explorer para a navegação! Desta forma, cada navegador faz uma leitura diferente dos sites, o que pode interferir na sua visualização.

Então, queremos dizer com isso que os desenvolvedores têm que considerar as limitações de cada browser. Certamente que uma auditoria de SEO técnico, com um programador web de sua confiança, verificará a compatibilidade em cada navegador.

Considerações finais

É claro que o tema é complexo e que se você não tiver intimidade com o assunto, as estratégias se tornam difíceis de executar sem a ajuda de um profissional especializado.

Mas esperamos que a leitura tenha revelado o quão imprescindíveis são as estratégias do Seo técnico para a boa saúde do seu site e, portanto, para o futuro do seu negócio online.

Assim, se deseja saber mais sobre o assunto ou da ajuda de programador web/seo, pode entrar em contato que estarei à sua disposição.

Até o próximo post!

Sobre Hugo Calixto

Hugo CalixtoOlá! Sou Hugo Calixto, Programador WEB e Profissional de SEO desde 2017.

Sou natural do Rio de Janeiro e vivo em São Paulo e Madrid.

O que faço: Desenvolvo Sites Personalizados (com ou sem Wordpress), Administro Servidores e sou Especialista em SEO (otimização de sites para mecanismos de busca).

E o que mais gosto no meu trabalho é : "Ajudar as pessoas" e "Experimentar de tudo" e "usar o que aprendo para poder fazer coisas novas".

Ah! Se precisar de ajuda, não excite, chama o Hugo Calixto.